SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.52 issue4Pre-menstrual cyclic mastalgiaCox-2 and CD105 expression in breast cancer and disease-free survival author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista da Associação Médica Brasileira

Print version ISSN 0104-4230On-line version ISSN 1806-9282

Abstract

ILIAS, Elias Jirjoss; MALHEIROS, Carlos Alberto; KASSAB, Paulo  and  CASTRO, Osvaldo Antonio Prado. Linfadenectomia no adenocarcinoma gástrico. Rev. Assoc. Med. Bras. [online]. 2006, vol.52, n.4, pp.270-272. ISSN 0104-4230.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-42302006000400030.

OBJETIVOS: Realizar uma simulação de linfadenectomia D1 em 57 pacientes submetidos a gastrectomia com linfadenectomia D2 e analisar a migração do estádio na classificação da Associação Japonesa de Câncer Gástrico (JGCA). MÉTODOS: Os pacientes foram submetidos a linfadenectomia D2 entre agosto de 1997 e novembro de 2001 na Faculdade de Medicina da UNISA. Os linfonodos eram dissecados pelo próprio cirurgião, selecionados de acordo com a estação linfonodal. Analisaram-se as variáveis: sexo, idade, comprometimento linfonodal e número de linfonodos dissecados. RESULTADOS: Após a simulação de linfadenectomia D1 realizou-se novo estadiamento para estudar a migração na classificação da JGCA. Os tumores precoces corresponderam a 19,3% dos casos e os avançados a 80,7%. Linfonodos positivos em N1 e N2 em 43,9% dos pacientes. A média de linfonodos dissecados foi de 28,63 por paciente. Nos tumores IA, IB e II não houve mudança no estádio após a simulação D1. Nos tumores IIIA, de dez pacientes, três migraram para estádios II e IB; nos IIIB, houve migração de 18 em 21; e, no estádio IV, todos migraram para IIIB. CONCLUSÃO: Linfadenectomia D2 é importante para o estadiamento mais apurado do câncer gástrico, principalmente nos tumores avançados. A simulação de linfadenectomia D1 alterou o estádio dos tumores avançados sendo que os estádios que mais sofreram migração na classificação da JGCA foram o IIIA, IIIB e IV. A linfadenectomia D2 evitou a presença de doença residual nos linfonodos após a cirurgia em quase metade dos pacientes.

Keywords : Excisão de linfonodo; Adenocarcinoma; Neoplasias gástricas; Gastrectomia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License