SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.57 número3Impact of perinatal factors on growth deficits of preterm infantsFailed back surgery pain syndrome: therapeutic approach descriptive study in 56 patients índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Revista da Associação Médica Brasileira

versión impresa ISSN 0104-4230

Resumen

HASDEMIR, Hakan et al. Propriedades da aorta e electrofisiologia atrial em futebolistas profissionais ativos e aposentados. Rev. Assoc. Med. Bras. [online]. 2011, vol.57, n.3, pp.280-285. ISSN 0104-4230.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-42302011000300009.

OBJETIVO: Com este estudo pretendeu-se levar a cabo um ensaio clínico que permitisse investigar as diferenças entre a dispersão da onda P (DOP), as propriedades elásticas da aorta e os resultados da ecocardiografia transtorácica em futebolistas profissionais ativos e reformados, face a grupos de controle, de modo a avaliar a influência da atividade desportiva regular na distensibilidade aórtica e o seu potencial efeito na electrofisiologia atrial. MÉTODOS: Para este estudo foram recrutados 42 jovens futebolistas profissionais com um histórico de treino de vários anos. O grupo-controle foi constituído por 27 homens saudáveis e sedentários. No grupo composto por indivíduos mais velhos, foram incluídos 23 futebolistas profissionais já aposentados, saudáveis e com mais de 50 anos de idade e, como grupo-controle, 18 indivíduos com mais de 50 anos de idade que nunca fizeram qualquer tipo de exercício físico regular quando eram mais novos. RESULTADOS: A frequência cardíaca e fração de ejeção eram menores nos jovens futebolistas profissionais. Não se verificaram diferenças significativas nos parâmetros de elasticidade da aorta e a dispersão da onda P entre os jovens futebolistas profissionais e o grupo-controle. Mas, já no caso do grupo dos indivíduos mais velhos com uma atividade desportiva regular, a diferença significativa na dimensão ventricular esquerda, espessura das paredes e funções sistólicas detectada no grupo jovem e ativo desapareceu, enquanto o aumento no diâmetro atrial esquerdo tornou-se expressivo. CONCLUSÃO: Demonstrou-se com este estudo o efeito potencial das propriedades elásticas da aorta, que se alteram com a idade, na electrofisiologia atrial por meio do aumento da dispersão da onda P.

Palabras clave : Medicina esportiva; fibrilação atrial; eletrofisiologia cardíaca.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · Inglés ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons