SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.58 número1Comparative analysis of injuries observed in motorcycle riders involved in traffic accidents and victims of other blunt trauma mechanismsEvidence for the use of appetite suppressant drugs in Brazil: a pharmacoeconometric study índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Revista da Associação Médica Brasileira

versión impresa ISSN 0104-4230

Resumen

FERREIRA, Lilian de Abreu; IBIAPINA, Cássio da Cunha; MACHADO, Márcia Gomes Penido  y  FAGUNDES, Eleonora Druve Tavares. A alta prevalência de prescrições de medicamentos off-label e não licenciados em unidade de terapia intensiva pediátrica brasileira. Rev. Assoc. Med. Bras. [online]. 2012, vol.58, n.1, pp. 82-87. ISSN 0104-4230.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-42302012000100019.

OBJETIVO: Descrever o uso e determinar a prevalência de medicamentos de uso off-label enão licenciados em prescrições na unidade de terapia intensiva pediátrica de um hospital no sudeste do Brasil. MÉTODOS: Estudo transversal envolvendo os pacientes internados na unidade de terapia intensiva pediátrica durante o período de maio de 2008 a janeiro de 2009. A classificação quanto aos critérios de aprovação da Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) foi baseada em seu bulário eletrônico e no Dicionário de Especialidades Farmacêuticas e as análises realizadas no software R. RESULTADOS: Foram analisados 1.054 itens de prescrição de 73 pacientes. O gênero feminino foi o mais frequente (52%) e a idade dos pacientes variou de zero a 16 anos. Observou-se que 23,4% dos medicamentos foram prescritos de modo off-label, 12,6% não licenciados e 1,4% foram classificados em ambas as razões; 86% receberam ao menos um item de uso off-label e 67% ao menos um item de uso não licenciado. Os grupos terapêuticos mais prescritos foram os antibacterianos de uso sistêmico, os analgésicos, psicolépticos e antiasmáticos. CONCLUSÃO: Os resultados do presente trabalho confirmam a alta prevalência do uso off-label e não licenciados dos medicamentos em unidade de terapia intensiva pediátrica.

Palabras llave : Pediatria; utilização em indicações não aprovadas; prescrições de medicamentos; bulas de medicamentos.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · pdf en Portugués