SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 issue40The "hard line" and "getting off the hook": practical effects of the new drug law in Rio de JaneiroSocial struggles for recognition: dilemmas and deadlocks in the public articulation of disrespect author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

  • On index processCited by Google
  • Have no similar articlesSimilars in SciELO
  • On index processSimilars in Google

Share


Revista de Sociologia e Política

On-line version ISSN 1678-9873

Abstract

BACHRACH, Peter  and  BARATZ, Morton S.. Duas faces do poder. Rev. Sociol. Polit. [online]. 2011, vol.19, n.40, pp.149-157. ISSN 1678-9873.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-44782011000300011.

Este artigo apresenta duas concepções de poder, a partir do exame e da crítica de duas tradições de pesquisa. A tradição sociológica, que originou a corrente elitista, postula a existência do poder nas comunidades; a tradição politológica, que originou a corrente pluralista, questiona a existência de elites dirigentes em comunidades e instituições. O artigo argumenta que a tradição elitista postula o que deve ser provado, ao passo que a pluralista está correta em investigar se há de fato grupos governantes nas sociedades, mas sua abordagem é restrita e deixa de lado um aspecto essencial da questão. Assim, os autores do artigo argumentam que, anteriormente à face visível do poder, manifestada pelos indivíduos e grupos que tomam efetivamente as decisões (ou que impõem os vetos), os pesquisadores devem prestar atenção à face invisível do poder. Essa outra face consiste na capacidade que indivíduos ou grupos têm de controlar ou manipular os valores sociais e políticos (isto é, de "mobilizar vieses"), impedindo que temas potencialmente perigosos para seus interesses e perspectivas sejam objeto de discussão e deliberação pública.

Keywords : poder; pluralismo; elitismo; não-decisão; mobilização de viés; elite dirigente.

        · abstract in English | French     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License