SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue3Stomatognathic system and body posture in children with sensoriomotor deficitsAnterior open bite: a formula for the differential diagnosis author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Pró-Fono Revista de Atualização Científica

Print version ISSN 0104-5687

Abstract

ANASTASIO, Adriana Ribeiro Tavares  and  MOMENSOHN-SANTOS, Teresa Maria. Identificação de sentenças sintéticas (SSI) e reflexo acústico contralateral. Pró-Fono R. Atual. Cient. [online]. 2005, vol.17, n.3, pp.355-366. ISSN 0104-5687.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-56872005000300009.

TEMA: estudo da relação do reflexo acústico contralateral na habilidade auditiva de fechamento auditivo. OBJETIVO: analisar a identificação do sinal de fala em presença de sons competitivos em sujeitos com ausência do reflexo acústico contralateral. MÉTODO: aplicação do teste de identificação de sentenças sintéticas (SSI) nas condições mensagem competitiva contralateral (SSI-MCC), na relação sinal-ruído de 0 e -40dB e mensagem competitiva ipsilateral (SSI-ICM), na relação sinal-ruído de 0, -10, -15 e -20dB, em 43 adultos-jovens (grupo A = 21 sujeitos com presença do reflexo acústico contralateral em todas as freqüências pesquisadas e grupo B = 22 sujeitos com ausência do reflexo na freqüência de 500Hz, em todas as freqüências pesquisadas ou ainda em algumas das freqüências pesquisadas, mas que incluísse 500Hz), de ambos os sexos sem queixas auditivas, otológicas ou de aprendizagem. RESULTADOS: o limiar do reflexo acústico esteve acima de 100dB NA em 59% dos indivíduos do grupo B e em 14% dos indivíduos do grupo A, todos os indivíduos apresentaram desempenho de acordo com o padrão de normalidade sugerido pela literatura especializada para o teste SSI, o desempenho do grupo B no teste SSI-ICM foi inferior ao grupo A em todas as relações sinal-ruído utilizadas, embora a diferença não tenha sido estatisticamente significante, o grupo B que apresentou limiar do reflexo acústico superior a 100dB NA ou ausência do reflexo acústico também foi o que apresentou pior desempenho no teste SSI. CONCLUSÃO: a ausência do reflexo acústico contralateral parece interferir na identificação do sinal de fala na presença de ruídos competitivos.

Keywords : Percepção Auditiva; Reflexo Acústico; Inteligibilidade da Fala.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License