SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 número2Pós-graduação e trabalho: um estudo sobre projetos e expectativas de doutorandos brasileiros índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


História, Ciências, Saúde-Manguinhos

versão impressa ISSN 0104-5970versão On-line ISSN 1678-4758

Resumo

ALARCON, Sergio. Da reforma psiquiátrica à luta pela 'vida não-fascista'. Hist. cienc. saude-Manguinhos [online]. 2005, vol.12, n.2, pp.249-263. ISSN 1678-4758.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-59702005000200002.

Este artigo procura decifrar a reforma psiquiátrica a partir da suposição de que em seu bojo convivem determinações teórico-práticas distintas, ora associadas, ora concorrentes. De início, abordamos a questão de forma conceitual. Posteriormente, um breve histórico procura resgatar as motivações emancipatórias da reforma. Por fim, sustentamos uma pequena análise sobre essas determinações, com o intuito de iniciar um debate quanto às modificações estratégicas que o movimento deve empreender para evitar retrocessos em suas práticas.

Palavras-chave : saúde mental; reforma psiquiátrica; clínica política.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons