SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 issue3Tobacco: the construction of policies for control of its consumption in BrazilChinese medicine/acupuncture: historical notes on the colonization of a body of knowledge author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


História, Ciências, Saúde-Manguinhos

Print version ISSN 0104-5970On-line version ISSN 1678-4758

Abstract

SANTOS, Silvia Alves dos et al. Capital simbólico do trabalho das visitadoras sanitárias da Fundação Serviço de Saúde Pública, Alagoas/Brasil. Hist. cienc. saude-Manguinhos [online]. 2018, vol.25, n.3, pp.817-839. ISSN 0104-5970.  http://dx.doi.org/10.1590/s0104-59702018000400012.

De caráter histórico, o estudo analisa o trabalho das visitadoras sanitárias da Fundação Serviço de Saúde Pública, em Alagoas, entre 1960 e 1990 e o capital simbólico a elas conferido. Foram utilizadas fontes documentais e orais, estas produzidas em entrevistas realizadas com recurso da história oral temática, concedidas por visitadoras, médico e enfermeira. As informações foram analisadas com base nos conceitos de habitus, campo, capital simbólico e distinção, de Pierre Bourdieu, e revelaram que as visitadoras sanitárias foram relevantes na assistência à saúde das comunidades onde atuaram, detendo marcas distintivas para inculcar práticas sanitárias por meio de visitas domiciliares e discurso autorizado para reconfigurar o habitus higiênico das famílias. Essa atuação lhes conferiu poder e capital simbólicos legitimados pela comunidade.

Keywords : história da enfermagem; políticas públicas de saúde; visitadoras de saúde; capital social.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )