SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 número29Dame Sébastienne et le Christ Fléché: iconographie et mémoire rituelle: le cas du Nouveau-Mexique índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Horizontes Antropológicos

versão impressa ISSN 0104-7183versão On-line ISSN 1806-9983

Resumo

REINHEIMER, Patricia. O território da arte: da nação ao indivíduo, valores antagônicos na afirmação da autonomia da forma. Horiz. antropol. [online]. 2008, vol.14, n.29, pp.15-41. ISSN 0104-7183.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-71832008000100002.

Procuramos conjugar o discurso estético e a dimensão institucional das artes plásticas para investigar as transformações ocorridas nesse campo em meados do século XX, no Brasil. O período entre 1945 e 1960 explicitou o processo de formulação e afirmação de um conjunto de valores artísticos nos quais as noções de autenticidade e singularidade estavam intrinsecamente relacionadas à idéia de liberdade (de experimentação artística e posicionamento político) e ao universalismo do projeto revolucionário francês. Esse processo foi acompanhado de perto por um grupo pequeno, mas influente, de críticos de arte brasileiros que ecoaram no Brasil essas discussões, transformando o ambiente artístico nacional. A incorporação daqueles valores e a participação dos críticos nas instituições artísticas que se inauguraram no mesmo período criaram uma nova arena de produção e crítica de arte no Brasil centrada no indivíduo e distanciada das antigas questões de identidade nacional e nacionalismo que vinham pautando o campo de produção artística, com mais ou menos intensidade e focos diferentes, desde meados do século XIX.

Palavras-chave : arte moderna; autonomia da forma; estética; nacionalismo.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons