SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 issue42The Spanish flu in Salvador: the everyday life in the sick cityOmnipotent fear along 1918 influenza author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Varia Historia

Print version ISSN 0104-8775

Abstract

ENGBERG, Elisabeth. A influenza invisível: a resposta comunitária à pandemia de 1918-1920 no norte rural da Suécia. Varia hist. [online]. 2009, vol.25, n.42, pp. 429-456. ISSN 0104-8775.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-87752009000200004.

Ao longo da história humana, pandemias recorrentes de influenza têm afetado indivíduos e sociedades em todo o mundo. No entanto, as respostas sociais têm variado no tempo e no espaço. Este artigo discute a resposta da sociedade à influenza espanhola de 1918-1920 no norte rural da Suécia, focando as medidas tomadas pelas comunidades locais para fazer frente à pandemia que avançava. Nas cinco comunidades rurais estudadas, a resposta oficial foi esparsa e reativa, e a presença da influenza pandêmica é quase invisível nos registros municipais. Medidas preventivas em potencial, tais como o fechamento de escolas e proibições de aglomerações públicas, foram utilizadas inadequadamente e introduzidas tarde demais para que fossem eficazes. Como algumas explicações para a aparente inércia das autoridades locais durante a influenza espanhola sugerem-se a luta, então corrente, contra as privações de uma época de guerra, a crise de alimentos somada a uma economia tensa, uma insuficiente administração pública de saúde, uma política pública nacional preventiva que almejava primordialmente à prevenção da cólera e o uso continuado de métodos tradicionais para se lidar com crise na sociedade.

Keywords : influenza pandêmica; resposta social; áreas rurais.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese