SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.31 issue56Indians and Blacks in the Backwoods of the Mines: Contacts and Identities“How Many Poets Lost Forever, How Many Rhymes Fated into Oblivion of Humanity!”: Production and Circulation of Poetry in Rio de Janeiro in the Late 19th Century and Early 20th Century author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Varia Historia

Print version ISSN 0104-8775On-line version ISSN 1982-4343

Abstract

PRIORI, Angelo  and  IPOLITO, Verônica Karina. DOPS, a cidade de Rolândia (PR) e a repressão aos imigrantes de origem alemã (1942-1945). Varia hist. [online]. 2015, vol.31, n.56, pp.547-580. ISSN 0104-8775.  http://dx.doi.org/10.1590/0104-87752015000200010.

O artigo analisa as ações realizadas pela Delegacia de Ordem Política e Social (DOPS) contra os imigrantes alemães, na cidade de Rolândia/PR, no período de 1942 a 1945. Durante a II Guerra Mundial e a adesão do Brasil aos países Aliados, os imigrantes dos países do Eixo foram vigiados e controlados pela polícia política do governo Vargas. A constante referência aos alemães acabou gerando a construção de mitos, como o da “conspiração alemã” e o da “Alemanha Antártica”, que ajudaram a legitimar a “lógica da desconfiança” sobre esses imigrantes. A construção de mitos políticos respaldou, no imaginário social, a atuação da polícia política, legitimando as suas ações de vigilância, controle e repressão.

Keywords : Polícia Política; Controle Social, Repressão; Imigração Alemã.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )