SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue2Test for measurement of spattering level and reach in MIG/MAG weldingA new look for the future of the Brazilian policy for Science, Technology and Innovation author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Soldagem & Inspeção

Print version ISSN 0104-9224

Abstract

ANDRADE, Luciano G. D. et al. Efeito do teor de carbono do metal de base e da alma do eletrodo revestido sobre a porosidade em soldas molhadas. Soldag. insp. (Impr.) [online]. 2010, vol.15, n.2, pp. 156-164. ISSN 0104-9224.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-92242010000200010.

Porosidade é um defeito comum em soldagem subaquática molhada. Vários estudos têm sido realizados com o objetivo de avaliar os mecanismos que controlam sua formação e assim encontrar soluções para minimizá-la ou eliminá-la. Este trabalho tem como objetivo avaliar o efeito da variação dos teores de carbono do metal de base e da alma do eletrodo sobre a porosidade do metal de solda. Dois diferentes metais de base, com variações apenas no teor de carbono (C2 - 0,1% e C7 - 0,7%), foram utilizados para deposição das soldas feitas à 50 metros de profundidade, utilizando eletrodos comerciais E6013 com diferentes teores de carbono na alma (E2 - 0,002% e E6 -0,6%), em polaridade direta (DCEN). O método macrográfico de análise de imagens foi utilizado para a quantificação da porosidade. Utilizando os metais de base C2 e C7, observou-se que a porosidade aumentou significativamente com o aumento do teor de carbono da alma do eletrodo. Em contrapartida, observou-se uma redução da porosidade com o aumento do teor de carbono do metal de base utilizando-se os eletrodos E2 e E6.

Keywords : Soldagem Subaquática Molhada; Porosidade; Concentração de Carbono no Metal de Base e Alma do Eletrodo.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese