SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue3A"arma da cultura" e os "universalismos parciais" author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Mana

Print version ISSN 0104-9313

Abstract

SOBRAL, Luís Felipe. O beijo de Spade: gênero, narrativa, cognição. Mana [online]. 2011, vol.17, n.3, pp. 625-652. ISSN 0104-9313.  http://dx.doi.org/10.1590/S0104-93132011000300006.

Este artigo descreve a primeira elaboração da persona cinematográfica do ator norte-americano Humphrey Bogart, em O falcão maltês, de 1941. Argumento que tal noção de pessoa hollywoodiana produz a mediação entre a imagem do artista e sua trajetória social: ela é uma espécie de poder simbólico capaz de estabelecer o artista na estrutura de produção cinematográfica. Assim, a partir de uma cena de O falcão maltês, relaciono os dois eixos analíticos deste argumento: de um lado, a marca de gênero que caracteriza a persona de Bogart entre a indiferença aparente e a vulnerabilidade súbita; de outro, a cultura visual - impensável apartada de uma experiência social localizada - dimensão simbólica que condiciona a geometria de olhares (público, câmera, elenco). Minha narrativa percorre uma série de pistas oriundas de fontes diversas (filmes, literatura, biografias, historiografia) e compartilha com o cinema clássico hollywoodiano seu traço mais característico: a forma de conhecimento detetivesca.

Keywords : Humphrey Bogart (1899-1957); Hollywood; Gênero; Noção de pessoa.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese