SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 número2MILITANTES, IRMÃOS E CABOS ELEITORAIS: VIDA ASSOCIATIVA E TERRITÓRIO NAS PERIFERIAS DA CIDADE DE SÃO PAULOTEXTO E CONTEXTO DA MÚSICA NO SANTO DAIME: ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE A NOÇÃO DE "EU" índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Mana

versão impressa ISSN 0104-9313versão On-line ISSN 1678-4944

Resumo

OLIVAR, José Miguel Nieto. "... O QUE EU QUERO PARA MINHA FILHA": RUMOS DE (IN)DEFINIÇÃO DA EXPLORAÇÃO SEXUAL NO BRASIL. Mana [online]. 2016, vol.22, n.2, pp.435-468. ISSN 0104-9313.  http://dx.doi.org/10.1590/1678-49442016v22n2p435.

Este artigo visa construir uma aproximação antropológica, de cunho etnográfico, com a "exploração sexual" enquanto categoria política e jurídica em disputa e de ampla circulação pública hoje no Brasil. Pontualmente, prestando especial atenção a dados provenientes de trabalhos de campo em cidades amazônicas de fronteira em torno dos mercados do sexo/prostituição e suas políticas, em relação com publicações diversas, projetos de lei e outros materiais, o que pretendo é entender como a "exploração sexual" é capilarmente construída no trânsito entre planos transnacionais, nacionais e locais. Por esse caminho, lanço algumas ideias sobre o que é a "exploração sexual" nos seus efeitos e na sua capacidade produtiva, e destaco os rumos de (in)definição, desdobramento e expansão que, apesar das abundantes críticas, essa categoria vem tomando nos últimos anos.

Palavras-chave : Crianças e Adolescentes; Mercados do sexo; Prostituição; Política; Estado.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )