SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número2A LUA E O OUTRO LADO DA TERRA: MENSTRUAÇÃO, CONCEPÇÃO E GESTAÇÃO ENTRE AS ARAWETÉARGENTINOS À BRASILEIRA. A CIRCULAÇÃO DE ANTROPÓLOGOS ARGENTINOS PELO MUSEU NACIONAL (PPGAS-MN/UFRJ) índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Mana

versão impressa ISSN 0104-9313versão On-line ISSN 1678-4944

Resumo

GUIMARAES, Bruno Nogueira. A MORAL DE DEUS: DÁDIVA E HUMANIDADE NA VERSÃO APANJEKRA DO CRISTIANISMO. Mana [online]. 2018, vol.24, n.2, pp.37-67. ISSN 0104-9313.  https://doi.org/10.1590/1678-49442018v24n2p037.

Buscando compreender os sentidos que os Canela Apanjekra dão à sua relação com o cristianismo e com os missionários, contextualizo historicamente o contato com os evangelizadores católicos e protestantes e analiso um culto realizado em 2013, na aldeia Porquinhos (TI Porquinhos - MA), por uma comitiva de pentecostais. Os erros de tradução e os equívocos do culto indicam que os mal-entendidos não se limitam a meros problemas linguísticos. Antes, são decorrentes de diferenças ontológicas e éticas que os Apanjekra mantêm em face do cristianismo e, em especial, dos “crentes”. Se estas diferenças afastam os Apanjekra da busca pelo telos evangélico, pautado por uma noção de pessoa estranha aos indígenas, elas não impedem um uso pragmático de um código moral que tem por fim a estabilização dos corpos e a manutenção provisória da humanidade e do parentesco.

Palavras-chave : Etnologia Jê; Canela Apanjekra; Cristianismo; Parentesco; Moral; Tradução.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · Português ( pdf )