SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.81 issue5Is incisional biopsy helpful in the histopathological classification of basal cell carcinoma?Pigmented Paget's disease of the nipple mimicking cutaneous melanoma: importance of the immunohistochemical profile to differentiate between these diseases author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Anais Brasileiros de Dermatologia

Print version ISSN 0365-0596On-line version ISSN 1806-4841

Abstract

SORTINO-RACHOU, Ana Maria; CURADO, Maria Paula  and  LATORRE, Maria do Rosário Dias de Oliveira. Melanoma cutâneo: estudo de base populacional em Goiânia, Brasil, de 1988 a 2000. An. Bras. Dermatol. [online]. 2006, vol.81, n.5, pp.449-455. ISSN 0365-0596.  http://dx.doi.org/10.1590/S0365-05962006000500007.

FUNDAMENTOS: O Registro de Câncer de Base Populacional de Goiânia disponibiliza dados de melanoma de uma série temporal de 13 anos, com 96,6% de confirmação histopatológica. OBJETIVO: Comparar incidência, mortalidade e tendências mundiais com os dados do primeiro estudo de base populacional de melanoma cutâneo do Brasil. MÉTODOS: Foram analisados 290 casos novos diagnosticados em residentes do município (incidência) e 54 óbitos reportados ao Registro de Câncer de Goiânia (mortalidade), entre 1988 e 2000. Os coeficientes padronizados por idade e sexo foram calculados pela população mundial. Para análise das tendências, um modelo de regressão linear simples foi utilizado. RESULTADOS: Cento e quarenta e quatro casos de melanoma em mulheres e 146 em homens. Os coeficientes padronizados médios de incidência foram crescentes tanto para homens (r2=0,33; p=0,040) como para mulheres (r2=0,41; p=0,019), com tendência crescente nos homens acima de 60 anos e mulheres até 59 anos. Os coeficientes padronizados médios de mortalidade foram crescentes nos homens (r2=0,32; p=0,042) e estáveis nas mulheres, com tendência crescente para homens acima de 60 anos. CONCLUSÃO: Tanto em Goiânia como no mundo, a incidência de melanoma cutâneo é crescente para ambos os sexos. A mortalidade tende à estabilidade nas mulheres e é crescente para homens.

Keywords : Brasil; Melanoma; Melanoma/epidemiologia; Melanoma/mortalidade; Pele.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf epdf ) | Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License