SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.83 número3Molecular biology in tropical dermatosesLatex allergy in healthcare professionals in the State of Sao Paulo, Brazil índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Anais Brasileiros de Dermatologia

versión On-line ISSN 1806-4841

Resumen

LOBO, Inês; MACHADO, Susana  y  SELORES, Manuela. A alopecia androgenética na consulta de tricologia do Hospital Geral de Santo António (cidade do Porto, Portugal) entre 2004 e 2006: estudo descritivo com componente analítico. An. Bras. Dermatol. [online]. 2008, vol.83, n.3, pp. 207-211. ISSN 1806-4841.  http://dx.doi.org/10.1590/S0365-05962008000300003.

FUNDAMENTOS: A alopecia androgenética é a causa mais comum de perda progressiva de cabelo. Geralmente ocorre em doentes com predisposição hereditária para esse tipo de alopecia e com androgénios circulantes. OBJETIVO: Avaliar aspectos epidemiológicos e clínicos de pacientes com alopecia androgenética pertencentes ao sexo feminino. MÉTODOS: Realizou-se estudo clínico transversal e descritivo em grupo de mulheres com alopecia androgenética observadas na consulta de tricologia entre 2004 e 2006. Os dados foram analisados com base na estatística descritiva e no teste do qui-quadrado. RESULTADOS: Foram estudadas 200 mulheres com diagnóstico clínico de alopecia androgenética. Em 68% das pacientes foi detectada história familiar e, na maioria das mulheres, a alopecia era frontobiparietal. De acordo com os dados analíticos estudados, 17% delas tiveram níveis baixos de zinco e 9% de albumina e ferritina. Em 20% foi detectada alteração no estudo hormonal. CONCLUSÃO: A alteração analítica mais detectada nas mulheres estudadas com alopecia androgenética foi a alteração hormonal.

Palabras llave : Alopecia; Cabelo; Técnicas e procedimentos de laboratório.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · pdf en Portugués