SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.86 issue2Moderate to severe psoriasis treated with infliximab - 53 patients: patients profile, efficacy and adverse effectsTopography of basal cell carcinoma and their correlations with gender, age and histologic pattern: a retrospective study of 1042 lesions author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Anais Brasileiros de Dermatologia

Print version ISSN 0365-0596

Abstract

WOJCIK, Adma Silva de Lima; NISHIMORI, Fátima Satomi  and  SANTAMARIA, Jesus Rodriguez. Síndrome de Sweet: estudo de 23 casos. An. Bras. Dermatol. [online]. 2011, vol.86, n.2, pp. 265-271. ISSN 0365-0596.  http://dx.doi.org/10.1590/S0365-05962011000200009.

FUNDAMENTOS: A síndrome de Sweet (SS) é uma doença rara, caracterizada por lesões cutâneas eritematovioláceas dolorosas, febre, leucocitose com neutrofilia e derme com infiltrado inflamatório neutrofílico denso à histologia. Apresenta excelente resposta à corticoterapia. OBJETIVOS: Avaliar os casos de SS em hospital universitário, identificando as características clínicas, laboratoriais e epidemiológicas e compará-las com os dados da literatura. MÉTODOS: Realizou-se estudo epidemiológico, retrospectivo, mediante revisão de prontuários. Identificaram-se 23 pacientes que preencheram os critérios diagnósticos para a doença no período de março de 1995 a julho de 2009. Coletaram-se dados clínicos e epidemiológicos dos pacientes, tais como: localização das lesões, presença de manifestações cutâneas e extracutâneas, condições associadas à SS e alguns dados laboratoriais, como con tagem de leucócitos e velocidade de hemossedimentação (VHS). RESULTADOS: As idades variaram entre 2 e 75 anos. Houve predomínio do sexo feminino. As lesões acometeram, preferencialmente, tronco e membros superiores. Febre foi a manifestação sistêmica mais comum, seguida por artralgias e mialgia, conjuntivite e artrite. Os fatores desencadeantes mais comumente detectados foram infecções de vias aéreas. Neoplasias associadas ocorreram em 30% dos pacientes, principalmente hematológicas. CONCLUSÕES: Os dados clínicos e epidemiológicos encontrados no presente estudo são, em sua maior parte, similares aos já disponíveis na literatura. Devido à alta prevalência de doenças malignas na SS é importante diagnosticá-la, realizar investigação sistêmica adequada e manter seguimento dos pacientes.

Keywords : Epidemiologia; Neutrófilos; Síndrome de Sweet.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese