SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.86 issue4Species of Candida isolated from anatomically distinct sites in military personnel in Cuiabá, Mato Grosso, BrazilOnycomychosis due to Scytalidium spp.: a clinical and epidemiologic study at a University Hospital in Rio de Janeiro, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Anais Brasileiros de Dermatologia

Print version ISSN 0365-0596

Abstract

LEITE, Saulo Nani et al. Modelos experimentais de desnutrição e sua influência no trofismo cutâneo. An. Bras. Dermatol. [online]. 2011, vol.86, n.4, pp. 681-688. ISSN 0365-0596.  http://dx.doi.org/10.1590/S0365-05962011000400009.

FUNDAMENTOS: A pele, para exercer suas funções, necessita de níveis adequados de nutrientes. OBJETIVO: Analisar o trofismo cutâneo de ratos nutridos e desnutridos por meio de dois modelos de desnutrição. MÉTODOS: No Modelo Marasmo, utilizaram-se 60 ratos Wistar em controle dietético, dos quais 30 foram selecionados aleatoriamente para receber metade da dieta diária durante 60 dias. No Modelo Gelatina, empregaram-se 60 ratos, dos quais 30 receberam dieta associada a proteína de baixa qualidade (gelatina) durante 30 dias. Avaliou-se o estado nutricional dos animais por meio da massa corporal, dos sinais clínicos e da dosagem de albumina sérica. Após o período de desnutrição, fez-se a histologia da pele dos animais para análise da espessura da derme e epiderme com o software Leica Application Suite; nas lâminas coradas com tricrômio de Gomori, analisou-se a colagênese com o software ImageJ. RESULTADOS: A massa corporal dos animais desnutridos pelo marasmo e gelatina foi significativamente menor (p<0,0001 e p<0,0001) do que a dos grupos nutridos. Quanto à albumina sérica, não houve diferença entre os grupos nos dois modelos. Em relação à análise histológica da espessura da pele, os desnutridos apresentaram a derme significativamente menos espessa em comparação aos nutridos (p<0,0001 e p<0,0001). No que respeita à colagênese, os grupos desnutridos apresentaram menores percentuais de colágeno em relação aos nutridos (p<0,0005 e p<0,003). CONCLUSÕES: Os animais desnutridos pelos dois modelos apresentaram diminuição na espessura dérmica, confirmada histologicamente pelo menor percentual de colágeno, mostrando a influência negativa da desnutrição no trofismo cutâneo

Keywords : Cicatrização; Colágeno; Gelatina; Marasmo nutriciona; Modelos animais; Processamento de imagem assistida por computador.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese