SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.86 issue4  suppl.1Refractory endemic pemphigus foliaceous in adolescence successfully treated with intravenous immunoglobulinErythrodermic psoriasis with regression after prophylaxis with isoniazid and antidepressant therapy: case report author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Anais Brasileiros de Dermatologia

Print version ISSN 0365-0596

Abstract

MATIAS, Fernanda de Abreu Toledo; ROSA, Dário Júnior de Freitas; CARVALHO, Maria Teresa Feital de  and  CASTANON, Maria Christina M. Nogueira. Piodermatite-pioestomatite vegetante: relato de caso e revisão de literatura. An. Bras. Dermatol. [online]. 2011, vol.86, n.4, suppl.1, pp. 137-140. ISSN 0365-0596.  http://dx.doi.org/10.1590/S0365-05962011000700036.

A piodermatite-pioestomatite vegetante é uma rara dermatose inflamatória de etiologia desconhecida, com típico comprometimento mucocutâneo. Relatamos caso de paciente feminina com lesões pustulosas e vesiculosas em axilas, evoluindo com placas vegetantes e pústulas com agrupamento anular. Houve progressão com comprometimento vulvar, inguinal e mucosas oral, nasal e ocular. Proposto o diagnóstico, optou-se por iniciar prednisona 40mg ao dia, com remissão das lesões após um mês de uso da medicação. A associação com doença inflamatória intestinal ocorre em 70% dos casos. A imunofluorescência é um fator que ajuda a caracterizar a doença, sendo tipicamente negativa. A rápida resposta à terapêutica com corticosteroides sistêmicos é esperada

Keywords : Corticosteroides; Dermatopatias vesiculobolhosas; Eosinofilia.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese