SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.87 issue5Atopy patch test (APT) in the diagnosis of food allergy in children with atopic dermatitisPruritus: still a challenge author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Anais Brasileiros de Dermatologia

Print version ISSN 0365-0596

Abstract

PETRY, Vanessa et al. Colonização bacteriana e infecções da pele em pacientes com dermatite atópica. An. Bras. Dermatol. [online]. 2012, vol.87, n.5, pp. 729-734. ISSN 0365-0596.  http://dx.doi.org/10.1590/S0365-05962012000500010.

A dermatite atópica é uma doença inflamatória crônica da pele que afeta um grande número de crianças e adultos. A doença resulta da interação entre predisposição genética, fatores ambientais, defeitos da barreira cutânea e fatores imunológicos. Um dos grandes fatores agravantes associados à dermatite atópica é a presença de microorganismos na superfície cutânea desses pacientes. Staphylococcus aureus e Streptococcus pyogenes, por exemplo, podem exacerbar a inflamação crônica da pele. Como resultado, antimicrobianos são prescritos para controlar a fase aguda da doença. O constante crescimento da resistência bacteriana aos antimicrobianos tem tornado a escolha do mais adequado medicamento uma difícil decisão para os dermatologistas. Na presença de dermatite disseminada com infecção secundaria, antibióticos sistêmicos necessitam ser prescritos; no entanto, o tratamento deve ser individualizado, de forma a encontrar o antimicrobiano mais eficaz e com menores efeitos colaterais. Além disso, esse medicamento deve ser utilizado pelo menor tempo possível, a fim de minimizar a resistência bacteriana.

Keywords : Crescimento bacteriano; Dermatite atópica; Infecções bacterianas; Transformação bacteriana.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English