SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.87 issue6Antimicrobial resistance profile of Staphylococcus aureus isolates obtained from skin and soft tissue infections of outpatients from a university hospital in Recife -PE, BrazilUse of cyanoacrylate in the coaptation of edges of surgical wounds author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Anais Brasileiros de Dermatologia

Print version ISSN 0365-0596

Abstract

TASOULA, Eleni et al. O impacto da acne vulgar na qualidade de vida e saúde psíquica em jovens adolescentes na Grécia: resultados de uma pesquisa populacional. An. Bras. Dermatol. [online]. 2012, vol.87, n.6, pp. 862-869. ISSN 0365-0596.  http://dx.doi.org/10.1590/S0365-05962012000600007.

FUNDAMENTOS: Acne vulgar pode afetar seriamente o funcionamento social e psicológico. OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi investigar o impacto da acne vulgar e sua gravidade na Qualidade de Vida de jovens adolescentes na Grécia. MÉTODOS: Nós conduzimos uma pesquisa baseada em questionário entre 1560 adolescentes com idades entre 11 e 19 anos e 1531 destes foram completados. Adolescentes com acne completaram todas as questões incluindo o Children Dermatology Life Quality Index (CDLQI). Adolescentes sem acne completaram as questões sobre idade, história familiar de acne, estresse e tabagismo. Os dados foram analisados pelo teste de chi-quadrado de Pearson. RESULTADOS: A prevalência de acne foi de 51.2%, afetando igualmente ambos os sexos. O auto relato de acne leve estava presente em 71.2% e de acne moderada a grave em 28.8% da população. A idade média da população em estudo foi de 15.77 anos. O escore médio do Children Dermatology Life Quality Index foi de 4.02. O impacto da acne na Qualidade de Vida está associado à gravidade da acne (p<0.0001). Pacientes com acne moderada/grave experimentam maior piora psico-social e emocional (p<0.0001). A imagem corporal é modificada proporcionalmente à gravidade da acne (p<0.0001). Sintomas e tratamento da acne são fatores que também influenciam sua qualidade de vida. Meninas e meninos são afetados igualmente. Estresse e hereditariedade estão correlacionados à acne e sua gravidade (p<0.0001). Nós não encontramos nenhuma correlação entre tabagismo e acne. CONCLUSÃO: Acne afeta a qualidade de vida de jovens adolescentes na Grécia. O impacto é proporcional à gravidade da acne. A acne mais grave está associada a um maior efeito na qualidade de vida com implicações na auto-estima, imagem corporal e relacionamento com outros.

Keywords : Acne vulgar; Adolescente; Qualidade de vida; Saúde do adolescente institucionalizado.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English