SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.58 issue345Geopolymerization as a technique for bauxite residue applicationsCharacterization of kaolin wastes from kaolin mining industry from the amazon region as raw material for pozzolan production author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Cerâmica

Print version ISSN 0366-6913

Abstract

SOUSA, S. J. G.  and  HOLANDA, J. N. F.. Caracterização de argila vermelha "magra" não calcária do sudeste do Brasil: aplicabilidade na fabricação de revestimento poroso. Cerâmica [online]. 2012, vol.58, n.345, pp. 29-35. ISSN 0366-6913.  http://dx.doi.org/10.1590/S0366-69132012000100006.

Neste trabalho foi investigada a utilização de argila vermelha "magra" do sudeste do Brasil (Campos dos Goytacazes, RJ) como matéria-prima para a fabricação de revestimento poroso. Uma vasta gama de técnicas de caracterização foi utilizada, incluindo difração de raios X (DRX), fluorescência de raios X (FRX), microscopia eletrônica de varredura (MEV), análise granulométrica e análise termogravimétrica. A massa cerâmica para revestimento poroso (azulejo) foi preparada por via seca. As peças de revestimento poroso foram preparadas por prensagem uniaxial e queimadas entre 1080 - 1180 ºC usando um ciclo de queima rápido. As seguintes propriedades tecnológicas foram determinadas: retração linear, absorção de água, densidade aparente e tensão de ruptura à flexão. O desenvolvimento da microestrutura foi acompanhado por MEV e DRX. Verificou-se que a argila vermelha "magra" é tipicamente caulinítica contendo uma quantidade substancial de quartzo. Os resultados também mostraram que a argila vermelha "magra" pode ser usada na fabricação de revestimento poroso, cujas propriedades obtidas são compatíveis com as especificadas para a classe BIII da norma ISO 13006.

Keywords : argila vermelha magra; revestimento poroso; propriedades tecnológicas; microestrutura.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English