SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.58 issue345Synthesis and characterization of nickel oxide doped barium strontium titanate ceramicsStudy of acid activation and thermal treatment of bauxite extracted from deposits in Minas Gerais, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Cerâmica

Print version ISSN 0366-6913

Abstract

FERREIRA, M. M. et al. Transformações mineralógicas e cristaloquímicas decorrentes dos ensaios termais em argilas cauliníticas ferruginosas. Cerâmica [online]. 2012, vol.58, n.345, pp. 105-110. ISSN 0366-6913.  http://dx.doi.org/10.1590/S0366-69132012000100017.

Transformações mineralógicas e cristaloquímicas foram investigadas em amostras de argilas cauliníticas ferruginosas aquecidas a temperaturas de 800, 1000 e 1200 °C. As análises de difração de raios X e térmica diferencial e gravimétrica mostraram ser a caulinita o argilomineral predominante nas amostras naturais. Os resultados da espectroscopia Mössbauer mostraram que o alto conteúdo em Fe (22,5% em peso), determinado por fluorescência de raios X, é relacionado à presença de goethita (18% em peso) e hematita (16% em peso). Entretanto um resíduo deste elemento (Fe3+ e Fe2+) foi constatado após a extração do ferro usando solução de ditionito-citrato-bicarbonato, e possivelmente se deve à presença de ferro na estrutura da caulinita. O processo de sinterização mostra uma desestruturação da caulinita, assim como a transformação da goethita em hematita, cujo tamanho dos cristais cresce com o incremento da temperatura. O tamanho do cristal de hematita a 1200 °C é 5 vezes maior do que na amostra natural. A mulita formada a 1000 °C é constituída da solução sólida de Fe2O3, com Al2O3, o que resulta em produto resistente e de maior estabilidade térmica.

Keywords : caulim ferruginoso; mulita; solução sólida de Fe2O3 e Al2O3; espectroscopia Mössbauer.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese