SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.65 número1Influência do tempo e deformação na microestrutura de ligas de alumínio reciclado condicionadas para tixoconformaçãoPrograma de apoio à legalização mineral de olarias da região de Rio Claro (SP) índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Rem: Revista Escola de Minas

versão impressa ISSN 0370-4467

Resumo

RIBEIRO, Diniz Tamantini et al. Utilização de critérios geoestatísticos para comparação de malha de sondagem visando à maximização da quantidade de recursos. Rem: Rev. Esc. Minas [online]. 2012, vol.65, n.1, pp. 113-118. ISSN 0370-4467.  http://dx.doi.org/10.1590/S0370-44672012000100016.

A proposta básica desse estudo é definir malhas ótimas de sondagem a serem aplicadas em pesquisas futuras de jazidas de minério de ferro. Realizou-se um estudo geoestatístico utilizando-se como parâmetro de otimização, a distribuição das classes dos recursos, obtidas a partir do Índice de Risco (IR), adotado como padrão, na avaliação de depósitos e minas de ferro pela Vale. Esse índice baseia-se no emprego da krigagem da indicatriz de minério para classificação dos recursos, avaliando-se, então, a influência da variação da malha de sondagem na categorização dos mesmos, pela criação de malhas regulares de sondagem "virtuais" com espaçamentos diversos. Estudos comparativos foram realizados em minas existentes e em projetos, tanto no Quadrilátero Ferrífero, quanto em Carajás, obtendo-se malhas de sondagem indicativas por província, sendo que, para novas áreas, criou-se uma metodologia de pesquisa sequencial, com adensamento gradativo da malha de sondagem e avaliação dos riscos em cada etapa.

Palavras-chave : Malha de sondagem; geoestatística; otimização amostral.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português