SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.23 issue1ENTREPRENEURIAL UNIVERSITY AND TRANSFER OF KNOWLEDGE AND TECHNOLOGYEFFECTS OF MESSAGE APPEALS OF SOCIO-ENVIRONMENTAL RESPONSIBILITY AND CONSUMER INTERESTS: AN ANALYSIS IN THE BANKING SECTOR author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


REAd. Revista Eletrônica de Administração (Porto Alegre)

Print version ISSN 1980-4164On-line version ISSN 1413-2311

Abstract

VAZ, Patricia Villa Costa  and  ESPEJO, Márcia Maria dos Santos Bortolocci. CONFIANÇA E SISTEMAS DE CONTROLE GERENCIAL: UM ESTUDO SOBRE AS RELAÇÕES META-SINTÉTICAS. REAd. Rev. eletrôn. adm. (Porto Alegre) [online]. 2017, vol.23, n.1, pp.156-178. ISSN 1413-2311.  https://doi.org/10.1590/1413-2311.07316.62764.

A contabilidade gerencial tem sido associada à institucionalização de confiança dentro de uma organização. A confiança permite adotar esquemas que fornecem liberdade de escolha, sem tentar processar mais informações sobre o mundo do que se é capaz de fazer (TOMKINS, 2001). Considerando estes aspectos, o presente estudo questiona: de que maneira os estudos anteriores vêm relacionando a confiança com o Sistema de Controle Gerencial (SCG) para o alcance dos objetivos organizacionais? Para tanto, objetiva-se examinar o papel da confiança no Sistema do Controle Gerencial, e sua relação com os objetivos organizacionais, conforme a metodologia da meta-síntese de Hoon (2014), que visa a construção de uma teoria a partir de estudos de caso qualitativos primários. Na elaboração dos passos da metodologia, depreenderam-se quatro redes causais nos estudos selecionados: instituições, Sistema de Controle Gerencial, confiança e objetivos organizacionais. As instituições representam o contexto de realização dos estudos de caso, especialmente sua caracterização como uma sucessão de hábitos, regras, rotinas e procedimentos. As abordagens sobre o Sistema de Controle Gerencial incluem a avaliação de desempenho e o orçamento. Com relação à confiança os estudos anteriores discutiram, sobretudo, as vertentes contratual, comunicativa e de competência desta variável. Quanto aos objetivos organizacionais, os estudos discutem aspectos como mudança no sistema vigente, o foco no desempenho e na redução do risco do negócio. Ao final da análise, o item de feedback se apresentou nos estudos como a etapa após o alcance dos objetivos, na qual a gestão interioriza a confiança nas relações pessoais, passando esta a ser parte importante no alcance das metas e objetivos.

Keywords : Confiança; Estudos de caso; Meta-síntese; Sistemas de Controle Gerencial.

        · abstract in English | Spanish     · text in English     · English ( pdf )