SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 issue2Interactions between hospitalized children and psychologist during psycho-educational attendance at a pediatric wardThe alterity in the social binding: a view of the Freudian text "Civilization and its Discontents" author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Estudos de Psicologia (Natal)

On-line version ISSN 1678-4669

Abstract

ALFAYA, Cristiane  and  SCHERMANN, Ligia. Sensibilidade e aleitamento materno em díades com recém-nascidos de risco. Estud. psicol. (Natal) [online]. 2005, vol.10, n.2, pp.279-285. ISSN 1678-4669.  https://doi.org/10.1590/S1413-294X2005000200015.

O presente estudo investigou a relação entre o tipo de alimentação do bebê (aleitamento materno, fórmula e alimentação mista) e os comportamentos de interação mãe-bebê, a partir do conceito de sensibilidade materna. Participaram 20 díades com bebês nascidos pré-termos (Grupo I) que necessitaram de tratamento intensivo neonatal, 14 díades com bebês nascidos a termo (Grupo II) que necessitaram de tratamento intensivo neonatal, e 24 díades com bebês nascidos a termo sadios (Grupo III). O risco do recém-nascido foi considerado a partir de sua necessidade de tratamento intensivo neonatal. A interação mãe-bebê foi filmada durante a situação de face-a-face, aos dois meses de idade do bebê, e avaliada conforme o Protocolo de Interação Mãe-Bebê (Schermann et al. 1994) que pontua itens referentes aos comportamentos interativos da mãe, do bebê e da díade mãe-bebê. Os resultados mostraram que a sensibilidade materna diferiu entre os três grupos investigados (p = 0,039), havendo maior incidência no Grupo III (grupo controle). A partir do estudo realizado, é possível inferir que a sensibilidade materna é mais favorável em mães de bebês nascidos a termo e sadios do que em mães de bebês nascidos com risco neonatal. O aleitamento materno é um importante fator que promove o estabelecimento de uma sensibilidade materna mais favorável, sendo fundamental o incentivo da amamentação mesmo para recém-nascidos pré-termo e a termo de risco.

Keywords : sensibilidade materna; alimentação; nascimento de risco.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License