SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 número3Reflexões sobre as relações entre drogadição, adolescência e família: um estudo bibliográficoCondições de trabalho e saúde de motoristas de transporte coletivo urbano índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Estudos de Psicologia (Natal)

versão On-line ISSN 1678-4669

Resumo

SCHELINI, Patrícia Waltz. Teoria das inteligências fluida e cristalizada: início e evolução. Estud. psicol. (Natal) [online]. 2006, vol.11, n.3, pp.323-332. ISSN 1678-4669.  https://doi.org/10.1590/S1413-294X2006000300010.

O objetivo deste estudo é apresentar a evolução da teoria das inteligências fluida e cristalizada. Assim, discute-se como a concepção de dois fatores gerais, denominados Inteligência Fluida e Cristalizada, ou Gf-Gc, foi capaz de conciliar modelos de compreensão da inteligência, como os desenvolvidos por Spearman, Thorndike e Thurstone. A princípio uma representação dicotômica da inteligência, o modelo Gf-Gc sofreu modificações desde a década de 1960, sendo sua versão mais recente conhecida como teoria das capacidades cognitivas de Cattell-Horn-Carroll. Conclui-se que a disseminação desta teoria permitirá que a inteligência seja representada, não por meio de uma capacidade única e estática, mas por múltiplas formas e passíveis de estimulação.

Palavras-chave : inteligência fluida; inteligência cristalizada; modelo cattell-horn-carroll.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons