SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 issue3Occupational stress in health professionals: a study with portuguese doctor's and nurse practitioners author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Estudos de Psicologia (Natal)

Print version ISSN 1413-294X

Abstract

MISHIMA, Fernanda Kimie Tavares  and  BARBIERI, Valéria. O brincar criativo e a obesidade infantil. Estud. psicol. (Natal) [online]. 2009, vol.14, n.3, pp. 249-255. ISSN 1413-294X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-294X2009000300009.

A obesidade infantil é uma das doenças mais preocupantes atualmente, o estudo de seus fatores psicológicos é escasso, podendo se vincular a características específicas do brincar. Este trabalho objetiva investigar se há algum prejuízo causado pela dificuldade de expressão da criatividade no brincar de crianças obesas e, em caso positivo, qual a sua natureza. Foram realizados cinco estudos de caso com meninos obesos entre 7 e 10 anos, de nível sócio-econômico médio e famílias intactas, com aplicação do Teste do Desenho da Figura Humana (DFH) e Teste de Apercepção Temática Infantil (CAT-A). Observou-se que a dificuldade das crianças em criar, simbolizar e brincar gerava sentimento de solidão e abandono. As figuras parentais foram vistas como ambivalentes, não suprindo as necessidades afetivas e a dependência dos filhos, mas exigindo sua autonomia. O comer compulsivo apresentou-se como única maneira de interagir com o ambiente, preenchendo a privação afetiva experienciada nas relações precoces.

Keywords : obesidade; brincar; crianças; técnicas projetivas; criatividade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese