SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 número2Intervenção fisioterapêutica em mulheres com incontinência urinária associada ao prolapso de órgão pélvicoPrograma de exercícios físicos baseado em frequência semanal mínima: efeitos na pressão arterial e aptidão física em idosos hipertensos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Physical Therapy

versão impressa ISSN 1413-3555

Resumo

GUIMARAES, Fernando S. et al. Efeitos da ELTGOL e do Flutter® nos volumes pulmonares dinâmicos e estáticos e na remoção de secreção de pacientes com bronquiectasia. Rev. bras. fisioter. [online]. 2012, vol.16, n.2, pp.108-113.  Epub 10-Abr-2012. ISSN 1413-3555.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-35552012005000016.

Contextualização: Embora a fisioterapia respiratória seja considerada fundamental para o tratamento de pacientes hipersecretivos, há poucas evidências acerca de seus efeitos fisiológicos e terapêuticos em indivíduos com bronquiectasia. Objetivos: Avaliar os efeitos fisiológicos imediatos da ELTGOL e do Flutter® nos volumes pulmonares dinâmicos e estáticos em pacientes com bronquiectasia e, secundariamente, determinar o efeito dessas técnicas na remoção de secreção brônquica. Métodos: Participaram do estudo pacientes com diagnóstico clínico e radiológico de bronquiectasia. Os pacientes foram submetidos a três intervenções de forma randomizada e com um intervalo (washout) de uma semana entre elas. Inicialmente os pacientes inalaram dois jatos de 100µcg de salbutamol. Após 5 minutos de tosse iniciais e após 5 minutos de tosse que sucederam o protocolo controle e as intervenções (ELTGOL e Flutter®), os pacientes realizaram as avaliações dos volumes pulmonares dinâmicos e estáticos por meio da espirometria e pletismografia corporal. A secreção expectorada foi coletada durante as intervenções e durante a segunda série de tosse, sendo quantificada por meio de seu peso seco. Resultados: Foram avaliados dez pacientes, dois do sexo masculino e oito do sexo feminino (média de idade de 55,9±18,1 anos). Após a utilização do Flutter® e da ELTGOL, observou-se diminuição significativa do volume residual (VR), da capacidade residual funcional (CRF) e da CPT (p<0,05). Foi eliminada maior quantidade de secreção pulmonar durante a ELTGOL em comparação com o Controle e o Flutter®. Conclusão: O Flutter VRP1® e a técnica ELTGOL reduziram a hiperinsuflação pulmonar a curto prazo, porém apenas o ELTGOL aumentou a eliminação de secreção pulmonar de pacientes com bronquiectasia.

Palavras-chave : bronquiectasia; pletismografia; fisioterapia; terapia respiratória.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf epdf ) | Inglês ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons