SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 número1Effect of treadmill gait training on static and functional balance in children with cerebral palsy: a randomized controlled trialWrist electrogoniometry: are current mathematical correction procedures effective in reducing crosstalk in functional assessment? índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Articulo

Indicadores

Links relacionados

  • En proceso de indezaciónCitado por Google
  • No hay articulos similaresSimilares en SciELO
  • En proceso de indezaciónSimilares en Google

Compartir


Brazilian Journal of Physical Therapy

versión impresa ISSN 1413-3555

Resumen

COSTA, Ana C. S; DIBAI FILHO, Almir V; PACKER, Amanda C  y  RODRIGUES-BIGATON, Delaine. Confiabilidade intra e interexaminador da análise de imagens infravermelhas dos músculos mastigatórios e trapézio superior em mulheres com e sem disfunção temporomandibular. Braz. J. Phys. Ther. [online]. 2013, vol.17, n.1, pp. 24-31.  Epub 02-Nov-2012. ISSN 1413-3555.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-35552012005000058.

CONTEXTUALIZAÇÃO: A termografia infravermelha vem sendo utilizada como instrumento auxiliar na avaliação de patologias diversas, dada a sua eficiência na investigação da distribuição da temperatura superficial cutânea. OBJETIVOS: Propor duas formas de análise das imagens infravermelhas dos músculos mastigatórios e trapézio superior e determinar a confiabilidade intra e interexaminador dessas duas formas de análise. MÉTODO: Foram coletadas imagens infravermelhas dos músculos mastigatórios e trapézio superior de 64 voluntárias do gênero feminino, com e sem disfunção temporomandibular (DTM). A análise das imagens infravermelhas ocorreu de duas formas: mensuração da temperatura da extensão do músculo e do centro do músculo, sendo realizada por dois examinadores. A confiabilidade intra e interexaminador foi verificada por meio do Coeficiente de Correlação Intraclasse (CCI). RESULTADOS: Os valores do CCI intra e interexaminador foram considerados excelentes em ambas as avaliações: análises da extensão do músculo (grupo DTM, intraexaminador, CCI variou de 0,996 a 0,999, interexaminador, CCI variou de 0,992 a 0,999; grupo controle, intraexaminador, CCI variou de 0,993 a 0,998, interexaminador, CCI variou de 0,990 a 0,998) e análise do centro do músculo (grupo DTM, intraexaminador, CCI variou de 0,981 a 0,998, interexaminador, CCI variou de 0,971 a 0,998; grupo controle, intraexaminador, CCI variou de 0,887 a 0,996, interexaminador, CCI variou de 0,852 a 0,996). CONCLUSÃO: O estudo evidenciou que a mensuração da temperatura dos músculos mastigatórios e trapézio superior, realizada por meio da análise da extensão e do centro do músculo, apresentou excelente confiabilidade intra e interexaminador.

Palabras clave : fisioterapia; transtornos da articulação temporomandibular; reprodutibilidade dos testes; termografia; temperatura cutânea.

        · resumen en Inglés     · texto en Inglés     · Inglés (pdf) Inglés (epdf)