SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.18 issue1Parents' and teachers' points of view about deaf children's linguistic interactions author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Educação Especial

Print version ISSN 1413-6538

Abstract

SANTOS, Sofia  and  MORATO, Pedro. Acertando o passo! Falar de deficiência mental é um erro: deve falar-se de dificuldade intelectual e desenvolvimental (DID). Por quê?. Rev. bras. educ. espec. [online]. 2012, vol.18, n.1, pp.3-16. ISSN 1413-6538.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-65382012000100002.

A nova concepção e terminologia adotada pela língua inglesa no contexto da ainda designada "deficiência mental" parece ter alcançado um consenso estável e satisfatório face às expectativas que a sociedade deve esperar das populações com esse diagnóstico, enfatizando agora o impacto que as exigências do envolvimento detém no desenvolvimento individual, reforçando-se, assim, a necessidade emergente da alteração de mentalidades e atitudes para com estas populações. Para este efeito, o presente artigo introduz uma nova proposta de alteração da terminologia em português de deficiência mental/intelectual para "dificuldade intelectual e desenvolvimental", explicitando e fundamentando as razões para a mesma.

Keywords : Educação Especial; Terminologia; Deficiência Intelectual; Dificuldade intelectual.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License