SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.27 número5Avaliação do rendimento forrageiro da soja em quatro sistemas de corte, sucedida por milheto ou milhoParâmetros de degradabilidade potencial dos componentes da parede celular das silagens de seis genótipos de sorgo (Sorghum bicolor (L.) Moench), na presença ou ausência de tanino no grão, avaliados pela técnica "in situ" índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência e Agrotecnologia

versão impressa ISSN 1413-7054

Resumo

PIMENTA, Maria Emília de Sousa Gomes et al. Diferentes fontes e níveis de lipídeos no desempenho de leitões pós-desmame. Ciênc. agrotec. [online]. 2003, vol.27, n.5, pp.1130-1137. ISSN 1413-7054.  https://doi.org/10.1590/S1413-70542003000500022.

Utilizaram-se 144 leitões mestiços, sendo 72 machos castrados e 72 fêmeas, com peso médio inicial de 6,91 kg ± 1,32 kg, aos 28 dias de idade, para determinar o efeito da adição ou não de duas fontes de lipídeos (óleo de soja e gordura de coco), em diferentes níveis (2, 4, 6 e 8%), sobre o desempenho (ganho de peso médio diário, consumo de ração médio diário e conversão alimentar). O delineamento utilizado foi o DBC, em um arranjo fatorial 2 x 4 (fontes x níveis) e um tratamento adicional (ração controle, sem adição de lipídeo). As rações experimentais foram isocalóricas, isoprotéicas e isolisínicas, formuladas à base de milho, farelo de soja, farinha de peixe e leite em pó desnatado, suplementadas com minerais, vitaminas e lisina. Não houve interação significativa entre as fontes e níveis testados (P>0,05), para nenhum dos parâmetros de desempenho estudados. Não se observou diferença significativa (P>0,05) no ganho de peso médio diário de leitões que receberam ou não óleo de soja ou gordura de coco, nos diferentes níveis. Comparando-se em conjunto as médias dos tratamentos (2, 4, 6, 8% de óleo de soja e de gordura de coco), com a ração-controle (sem adição de lipídeo), foram observados maior (P<0,01) consumo de ração médio diário e pior (P<0,01) conversão alimentar, quando não foi adicionado lipídeo à dieta. Pode-se, portanto, concluir que a inclusão de lipídeos às dietas de creche é benéfica, pois proporciona menor consumo de ração, para um mesmo ganho de peso e melhor conversão alimentar.

Palavras-chave : Leitões pós-desmame; óleo de soja; gordura de coco; desempenho.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons