SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número2Produtividade da marcela [Achyrocline satureioides (lam.) DC.]em cultivo solteiro e consorciado com tansagem (Plantago major l. )Qualidade de luz no cultivo in vitro de Dendranthema grandiflorum cv. Rage: características morfofisiológicas índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência e Agrotecnologia

versão impressa ISSN 1413-7054versão On-line ISSN 1981-1829

Resumo

BAIER, João Eduardo et al. Produtividade e rendimento comercial de bulbos de cebola em função da densidade de cultivo. Ciênc. agrotec. [online]. 2009, vol.33, n.2, pp.496-501. ISSN 1413-7054.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-70542009000200021.

A distribuição adequada das plantas de cebola (Allium cepa L.) na lavoura torna-se necessária devido a influência sobre a competição por água, luz e nutrientes, determinando o tamanho dos bulbos e a produtividade total. Objetivou-se, no trabalho, avaliar a produtividade e os padrões comerciais de bulbos de cebola, em função da densidade de plantio adotada. As mudas de cebola foram produzidas em bandejas de poliestireno de 200 células, com substrato comercial Plantimax®. O experimento foi instalado em delineamento experimental de blocos casualizados (DBC) com 4 repetições, com parcelas de 2 m2. Utilizou-se a cultivar Buccaneer, nas densidades de 50, 75 e 100 plantas m-2. Foram avaliadas a produção comercial, a produção total e a massa média de bulbos. Observou-se que a densidade de 100 plantas m-2 proporcionou a maior produtividade (92,20 t ha-1). No entanto, a menor densidade de plantas avaliada proporcionou bulbos com a maior massa média (171g). As densidades de 50 e 75 plantas m-2 apresentaram os maiores valores distribuídos na classe 4 (> que 70 até 90 mm de diâmetro) e 3 cheio (> que 60 até 70 mm de diâmetro), respectivamente. A densidade de 100 plantas m-2 proporcionou uma maior quantidade de bulbos na classificação 3 cheio. Os resultados obtidos demonstraram que o aumento na densidade de plantas proporcionou uma maior produtividade, uma menor massa média de bulbos e uma maior produção na classificação comercial 3 cheio, considerada ideal para comercialização em função da preferência pelos consumidores.

Palavras-chave : Allium cepa; densidade populacional; classificação comercial.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons