SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número6Avaliação técnica e econômica de um "skidder" operando em diferentes produtividades e distâncias de extraçãoEfeitos da relação concentrado: volumoso sobre o desempenho de cordeiros Santa Inês índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência e Agrotecnologia

versão impressa ISSN 1413-7054

Resumo

ZANGERONIMO, Márcio Gilberto et al. Composição corporal de suínos alimentados dos 10 aos 20 kg com rações contendo diferentes níveis de lisina e proteína bruta. Ciênc. agrotec. [online]. 2009, vol.33, n.6, pp.1627-1636. ISSN 1413-7054.  https://doi.org/10.1590/S1413-70542009000600024.

Objetivou-se verificar o efeito dos níveis de lisina digestível verdadeira (LDV) e proteína bruta (PB) nas rações sobre a composição de carcaça de suínos na fase inicial. Foram utilizados 80 suínos Landrace x Large White, machos castrados e fêmeas, com peso inicial de 9,1±1,2 kg e final de 21,5±4,8 kg, desmamados aos 28 dias, alojados em grupos de dois, durante 35 dias na creche. Foi utilizado um delineamento em blocos casualizados em esquema fatorial 2x4 (dois níveis de PB - 16 e 18% e quatro de LDV - 0,7; 0,9; 1,1 e 1,3%) com cinco repetições. Após a pesagem, um animal de cada baia foi abatido e as carcaças utilizadas para determinação da porcentagem de água (%A), proteína (%P) e lipídios (%L) e taxa de deposição de proteína (TDP) e lipídios (TDL). Não houve diferenças para %A na carcaça. Houve efeito quadrático dos níveis de lisina na %P e TDP na carcaça apenas em rações com 18% PB, sendo 1,02% de LDV o nível que proporcionou melhor resultado. Não houve diferença em rações com 16% PB. Para %L, não houve diferença quando 18% PB foi utilizado, porém houve efeito quadrático com 16% PB, sendo 0,99% o nível de LDV que proporcionou a maior deposição. Para TDL, os níveis de 1,08 e 1,00% de LDV resultaram em maiores valores em rações com 18 e 16% PB, respectivamente. Conclui-se que 18% PB na ração é o ideal e que 1,02% de LDV deve ser mantido para uma melhor composição de carcaça de suínos na fase inicial.

Palavras-chave : Aminoácido sintético; composição da carcaça; nutrição; leitões.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons