SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 número4Desempenho agronômico de linhas endogâmicas ecombinadas de Capsicum annuum L. em sistema orgânico sob cultivo protegidoDesempenho fisiológico de sementes de feijão colhidas em diferentes períodos do desenvolvimento índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência e Agrotecnologia

versão impressa ISSN 1413-7054

Resumo

CARVALHO, Everson Reis et al. Desempenho de cultivares de soja [Glycine max (L.) Merrill] em cultivo de verão no sul de Minas Gerais. Ciênc. agrotec. [online]. 2010, vol.34, n.4, pp.892-899. ISSN 1413-7054.  https://doi.org/10.1590/S1413-70542010000400014.

Em função do seu potencial produtivo, a soja [Glycine max (L.) Merrill]ocupa posição de destaque na economia brasileira. O Sul de Minas Gerais apresenta crescente interesse pela cultura, principalmente para ser utilizada em rotação com o milho. Objetivou -se, com o presente trabalho, avaliar cultivares de soja adaptadas à região. Adotou - se delineamento experimental de blocos casualizados, com 3 repetições, em esquema fatorial 2 x 24, compreendendo dois locais (Lavras - MG e Itutinga - MG), e 24 cultivares de soja. A semeadura foi realizada na primeira quinzena de novembro, anos agrícolas 2006/07 e 2007/08. Verificou-se em Lavras que as cultivares UFV 16 (3553 kg.ha-1) e Monsoy 6101 (3543 kg.ha-1) foram as mais produtivas. Em Itutinga, as cultivares que mais se destacaram foram Monsoy 8001, Conquista, Vencedora, DM Nobre, Emgopa 315, DM Vitória, Monsoy 6101, Preta, UFV 16, Emgopa 316, Santa Rosa, Aventis 7002 e CAC 1 com produtividades variando de 2958 a 3575 kg.ha-1. Todos os materiais avaliados apresentaram grau de acamamento, altura de planta e de primeiro legume favoráveis à colheita mecanizada.

Palavras-chave : Cultivo de verão; cultivares; soja.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons