SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 número5Levantamento da qualidade da bebida do café e avaliação do estado nutricional dos cafeeiros do Alto Jequitinhonha, Minas Gerais, através do DRISProdutividade e longevidade de crisântemos, cultivados em hidroponia, em resposta a doses de cálcio índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência e Agrotecnologia

versão impressa ISSN 1413-7054

Resumo

VASCONCELOS, Jaqueline Martins et al. Métodos de superação de dormência em sementes de croada (Mouriri elliptica Mart). Ciênc. agrotec. [online]. 2010, vol.34, n.5, pp.1199-1204. ISSN 1413-7054.  https://doi.org/10.1590/S1413-70542010000500017.

Sementes de croada (Mouriri elliptica Mart.) Melastomataceae, espécie frutífera nativa do cerrado, foram submetidas aos seguintes tratamentos, visando a superação de dormência: pré-resfriamento a 5° C por 7 dias; pré-aquecimento em estufa com circulação de ar a 40º C por 7 dias; escarificação química em ácido sulfúrico concentrado por 5 e 15 minutos; imersão em água fervente por 5 e 15 minutos; imersão em ácido giberélico a 100 e 200 mg L-1 por 48 horas; imersão em água destilada por 24 e 48 horas; escarificação mecânica com lixa nº 80 na parte superior e oposta ao eixo embrionário e testemunha (sementes sem tratamento prévio). Quatro repetições de quinze sementes foram colocadas para germinar sobre papel umedecido com água destilada ou nitrato de potássio a 0,2%, em temperatura de 30º C em presença de luz. Foram realizadas contagens diárias do 2º dia após a implantação do experimento até a estabilização da porcentagem de germinação, que acorreu no 60º dia. A germinação foi mais rápida em sementes pré-embebidas em ácido giberélico (em substrato umedecido com água ou com solução de nitrato de potássio 0,2%), pré-embebidas em água por 24 horas, em substrato umedecido com água, e pré-embebidas em água por 48 horas ou escarificadas mecanicamente e colocadas para germinar em substrato umedecido com água. Taxas de germinação mais elevadas ocorreram em sementes pré-embebidas em ácido giberélico a 100 ou 200 mg L-1, em substrato umedecido com solução de nitrato de potássio 0,2%.

Palavras-chave : Melastomataceae; Mouriri elliptica Mart; germinação; frutífera nativa do cerrado.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons