SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 número3Desenvolvimento morfológico das gramas Esmeralda, São Carlos e Tifton 419Efeitos da terra diatomácea sobre Diabrotica speciosa (Germar, 1824) (Coleoptera: Chrysomelidae) em batata inglesa índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência e Agrotecnologia

versão impressa ISSN 1413-7054

Resumo

PEIXOTO, Marília Lara; MORAES, Jair Campos; SILVA, Alex Antônio  e  ASSIS, Franscinely Aparecida. Efeito do silício na preferência para oviposição de Bemisia tabaci biótipo B (Genn.) (Hemiptera: Aleyrodidae) em plantas de feijão (Phaseolus vulgaris L.). Ciênc. agrotec. [online]. 2011, vol.35, n.3, pp.478-481. ISSN 1413-7054.  https://doi.org/10.1590/S1413-70542011000300006.

O biótipo B de Bemisia tabaci destaca-se entre as pragas principais do feijoeiro. Neste trabalho, objetivou-se avaliar a indução de resistência à mosca-branca pela aplicação de silício em feijoeiro. Foram testados 4 tratamentos, em esquema fatorial 2 (cultivares Carioca e Valente) x 2 (com e sem aplicação de silício) e 6 repetições. Dez dias após a emergência das plântulas, foram aplicados 500 ml de solução de ácido silícico a 1% no solo, na dosagem equivalente a 2 t SiO2/ha. Dez dias após a aplicação do silício, as plantas foram infestadas com adultos não sexados de mosca-branca em sala climatizada, sendo 100 moscas-brancas/vaso. Para o teste sem chance de escolha, o mesmo procedimento foi utilizado, com cada vaso coberto por gaiolas de tecido organza. Anteriormente à infestação, uma planta de cada vaso foi retirada, seca em estufa até peso constante para avaliação do teor de fenóis. Após 48 horas de infestação, os adultos liberados foram removidos das plantas para avaliação do número de ovos. Para isso, foi escolhida uma folha de uma planta/vaso, selecionando-se a terceira folha apical inteiramente desenvolvida. Após quinze dias, foi avaliado o número de ninfas de 3° e/ou 4° ínstar. Não houve resposta entre cultivares de feijoeiro à aplicação de silício. Foi observado menor número de ovos e menor número de ninfas nas plantas tratadas com silício no teste com chance de escolha. No teste sem chance de escolha, a aplicação de silício não afetou a oviposição da mosca-branca e o desenvolvimento das ninfas, bem como o teor de fenóis.

Palavras-chave : Silício; mosca-branca; resistência induzida; MIP.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons