SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.40 número3Fonte alternativa de potássio no cultivo do girassol ornamentalIdentificação de Pm24, Pm35 e Pm37 em treze egípcios cultivares de trigo utilizando marcadores microssatélites índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência e Agrotecnologia

versão impressa ISSN 1413-7054versão On-line ISSN 1981-1829

Resumo

SILVA, Reginaldo Barboza da et al. Pressões de contato e o impacto de conjuntos motomecanizados em Latossolo com presença e ausência de palhada de cana-de-açúcar. Ciênc. agrotec. [online]. 2016, vol.40, n.3, pp.265-278. ISSN 1413-7054.  https://doi.org/10.1590/1413-70542016403001716.

Altas pressões de contato aplicadas ao solo resultam em um maior grau de compactação deste, além de promover outros efeitos maléficos. O objetivo deste estudo foi quantificar as áreas e pressões de contato de conjuntos motomecanizados empregados na atividade sucroalcooleira e avaliar as alterações estruturais proporcionadas em um Latossolo Vermelho com e sem cobertura de resíduos vegetais (palha). O delineamento empregado foi o inteiramente casualizado em esquema fatorial do tipo 4 (pneu acoplado no eixo dianteiro, pneu acoplado no eixo traseiro, pneu acoplado a um transbordo agrícola canavieiro e esteira metálica de colhedora de cana de açúcar) x 2 (com e sem palha na superfície). A área de contato (CA) dos rodados foi obtida por três procedimentos: medida analítica da área de uma elipse (CA1); medida digital da área de uma elipse (CA2); e medida da área de contato real (RCA), com recursos digitais. A pressão de contato foi calculada a partir da relação da massa dos eixos de cada conjunto motomecanizado e a respectiva área de contato do rodado. A área de contato obtida de acordo com o procedimento da elipse (CA1 e CA2) é superestimada quando comparada área real, obtida digitalmente (RCA). Os resíduos vegetais diminuem a pressão de contato na interface rodado-solo, devido ao maior aprofundamento das garras do rodado e por consequência, aumento da área de contato. Áreas onde o tráfego das máquinas ocorreu com solo coberto de palha apresentaram menor resistência do solo à penetração, índice de cone e pressão de pré-consolidação, confirmando que o aumento da área de contato produzida pela palha reduziu a pressão aplicada e dissipou a energia de compactação no solo.

Palavras-chave : Esteira; interação rodado solo; pneu acoplado ao trator; pneu de transbordo agrícola.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )