SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue3Videogame impact in attention testEmotional regulation: the construction of an instrument and preliminary results author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Psicologia em Estudo

Print version ISSN 1413-7372

Abstract

MANTOVANI, Carina Cella Panaia; MARTURANO, Edna Maria  and  SILVARES, Edwiges Ferreira de Mattos. Abandono do atendimento em uma clínica-escola de psicologia infantil: variáveis associadas. Psicol. estud. [online]. 2010, vol.15, n.3, pp.527-535. ISSN 1413-7372.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-73722010000300010.

O objetivo deste estudo retrospectivo foi levantar taxas de desistência e abandono do atendimento em uma clínica-escola de psicologia infantil e identificar fatores de risco sócio-demográficos, clínicos e familiares para ambos os desfechos. Dados de 258 crianças foram obtidos nos prontuários. Desistiram do atendimento logo após a entrevista inicial 16% das famílias. Entre as famílias não desistentes, 49% interromperam o atendimento antes da alta. Foram comparados, quanto aos fatores de risco, os grupos desistente e não desistente. Além disso, no grupo não desistente, os subgrupos abandono (clientes que compareceram ao menos uma vez antes de interromperem o tratamento) e alta clínica (clientes que persistiram até o final do atendimento) também foram comparados. Famílias desistentes apresentaram mais crianças nas séries iniciais, com menos problemas de comportamento. O abandono foi associado a menor recurso cognitivo e menor idade da criança, pai mais jovem e maior exposição da família a estresse psicossocial.

Keywords : Tratamento de crianças; desistência; abandono.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License