SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 issue1The being that ages: technique, science and knowledgeThe silent itinerary of people with HIV told through oral history author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

LAGUARDIA, Josué. Raça e epidemiologia: as estratégias para construção de diferenças biológicas. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2007, vol.12, n.1, pp. 253-261. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232007000100029.

Nas controvérsias atuais sobre raça e diferença racial nos agravos à saúde, a epidemiologia é vista como detentora de autoridade para confirmar ou refutar a verdade científica dessas diferenças. Ao apontar as discussões sobre as limitações da epidemiologia dos fatores de risco, vertente hegemônica nas abordagens epidemiológicas, buscou-se destacar nesse artigo o caráter ideológico dos pressupostos causais e as estratégias epistemológicas que reiteram e reificam as diferenças raciais na saúde com base no determinismo biológico e no reducionismo estatístico. O objetivo deste trabalho é destacar as possibilidades de contestação de algumas interpretações dos achados epidemiológicos sobre diferenças raciais na saúde, enfatizando os aspectos políticos e ideológicos da ciência e provendo os investigadores de argumentos que ajudem a superar o racialismo que permeia algumas hipóteses causais acerca da diversidade humana e doença.

Keywords : Raça; Epidemiologia dos fatores de risco; Determinismo biológico.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese