SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 número2A pesquisa e o termo de consentimento livre e esclarecidoO modelo bioético principialista para a análise da moralidade da pesquisa científica envolvendo seres humanos ainda é satisfatório? índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência & Saúde Coletiva

versão impressa ISSN 1413-8123versão On-line ISSN 1678-4561

Resumo

NUNES, Everardo Duarte. Aspectos éticos considerados pelos pesquisadores que usam abordagens qualitativas em saúde. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2008, vol.13, n.2, pp.351-360. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232008000200010.

O trabalho analisa a questão da ética nas pesquisas qualitativas a partir da colocação da ética no campo filosófico e da bioética como espaço interdisciplinar, que se expande a partir dos anos setenta. Passa-se, em seguida, à questão da pesquisa qualitativa vista como técnica e arte, entendendo-a como forma filosófica de pensar a ciência, como um corpo teórico, que se estrutura epistemicamente frente à investigação da realidade social e como um movimento que se institui na defesa e argumentação das propriedades dessas metodologias. Destaca-se, como exemplo, a antropologia e apresentam-se alguns trechos dos códigos de ética profissional da antropologia, sociologia e psicologia. Na terceira parte do artigo, discute-se a procedência de um código de ética para a pesquisa qualitativa e as particularidades do campo das ciências sociais e algumas sugestões de como trabalhar de forma ética nas pesquisas sociais.

Palavras-chave : Ética e bioética; Pesquisa qualitativa; Ética em ciências sociais e humanas; Códigos de ética profissional.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons