SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 issue8Suicide mortality temporal trends in people aged 60 years or more in the Brazilian states: 1980 to 2009Impact of suicide of the elderly on their families author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Ciência & Saúde Coletiva

Print version ISSN 1413-8123

Abstract

MENEGHEL, Stela Nazareth et al. Suicídio de idosos sob a perspectiva de gênero. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2012, vol.17, n.8, pp. 1983-1992. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232012000800009.

Este estudo explora a relação entre suicídio e envelhecimento na perspectiva de gênero, analisando as demarcações socialmente impostas de masculinidade e feminilidade na vida de idosos que cometeram suicídio. Trata-se de estudo qualitativo no qual foram consideradas 50 autópsias psicossociais realizadas com familiares de idosos, pertencentes a 10 municípios brasileiros, nas regiões Norte, Sul, Nordeste e Centro-Oeste. Neste artigo foram identificadas situações referentes a vulnerabilidades de gênero na vida de 13 pessoas que se suicidaram: 10 homens e três mulheres, selecionados pelo seu caráter de exemplaridade. Duas categorias principais foram elencadas: a primeira refere-se às feminilidades, incluindo o "destino de gênero" vivido por mulheres idosas que se suicidam quando não podem mais cuidar e trabalhar. A segunda refere-se a crises nas masculinidades hegemônicas, em que homens idosos morrem após mudanças nos papeis de provedores, ocasionadas pela aposentadoria ou doença. Ressalta-se que as normas de gênero, os códigos de honra, as desigualdades de poder e estereótipos afetam tanto as mulheres quanto os homens em relação à vulnerabilidade para comportamentos suicidas.

Keywords : Gênero; Suicídio; Feminilidade; Masculinidade.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese