SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 número3Desconhecimento da hipertensão arterial e seus determinantes em quilombolas do sudoeste da Bahia, BrasilIndicadores nutricionais combinados e fatores associados em população Quilombola no Sudoeste da Bahia, Brasil índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência & Saúde Coletiva

versão impressa ISSN 1413-8123

Resumo

CARDOSO, Luiz Gustavo Vieira; MELO, Ana Paula Souto  e  CESAR, Cibele Comini. Prevalência do consumo moderado e excessivo de álcool e fatores associados entre residentes de Comunidades Quilombolas de Vitória da Conquista, Bahia, Brasil. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2015, vol.20, n.3, pp.809-820. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232015203.12702014.

O objetivo do presente estudo foi analisar o consumo, seja moderado ou excessivo, de álcool entre residentes de comunidades quilombolas de Vitória da Conquista (BA), bem como os fatores associados. Estudo transversal envolvendo 750 indivíduos com idade ≥ 18 anos, entrevistados em 2011, utilizando uma versão adaptada do questionário da Pesquisa Nacional de Saúde. O consumo de bebidas alcoólicas foi classificado em abstenção, uso moderado ou excessivo, e analisado por meio do modelo de regressão multinomial. Observou-se o consumo entre 41,5% dos participantes (IC95%%: [37,8; 44,98]); sendo identificados na categoria consumo excessivo e, na categoria consumo moderado, 10,7% e 30,8%, respectivamente. O consumo moderado estava relacionado inversamente com a idade, sendo mais frequente entre indivíduos brancos ou pardos, os mais escolarizados, aqueles em atividade laborativa e entre fumantes. O consumo excessivo aumentou com o grau de escolaridade, sendo mais prevalente entre os que tinham pelo menos 8 anos de estudo, os fumantes e os que exerciam atividade laborativa. O estudo mostra que nessas comunidades existem diferenças segundo as características sociodemográficas dos diversos perfis de consumidores de álcool, e que estas diferenças devem ser consideradas na elaboração de propostas para promoção de hábitos saudáveis.

Palavras-chave : Consumo de álcool; Comunidades quilombolas; Características sociodemográficas.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )