SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.20 número3Impacto da ativação da intenção na prática da atividade física em diabéticos tipo II: ensaio clínico randomizadoTendência da mortalidade por câncer de mama em mulheres no estado do Rio de Janeiro, Brasil, 1996-2011 índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência & Saúde Coletiva

versão impressa ISSN 1413-8123

Resumo

D'AVILA, Sergio et al. Caracterização de vítimas de agressão e de acidentes de transporte atendidas no Instituto de Medicina e Odontologia Forense - Campina Grande, Paraíba, Brasil - 2010. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2015, vol.20, n.3, pp.887-894. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232015203.12922014.

O objetivo deste estudo tranversal censitário foi caracterizar a agressão e os acidentes de transporte terrestre em uma cidade do nordeste do Brasil. Foram analisados os dados de vítimas vivas que foram atendidas em um serviço forense (N = 2.379). Na análise descritiva, a maioria dos eventos foi a agressão (71,6%); que ocorreu nos dias úteis (65%), sendo 35,1% no período noturno. Os traumas ocorreram no corpo todo (63,6%) e envolveram o tecido mole (74,2%). A partir da análise de correspondência múltipla formaram-se duas dimensões: a primeira dimensão (confiabilidade interna = 0,654) foi formada pela causa do evento, o trauma e a faixa etária e, a segunda dimensão (confiabilidade interna = 0,514), pela faixa etária, a ocupação e o estado civil. Formaram-se três grupos com perfis distintos para os acidentes e agressão. Mulheres jovens que sofreram agressões com traumas faciais, em tecidos moles, no período da tarde e durante os finais de semana. Homens, adultos que sofreram acidentes automobilísticos, pela manhã e em dias úteis, e idosos, viú vos, aposentados e que sofreram atropelamento. Há um elevado número de vítimas de agressão interpessoal, seguido por acidentes de moto e os tipos de acidentes estão associados a grupos populacionais.

Palavras-chave : Violência; Causas externas; Morbidade.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )