SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número7Instrumentos de avaliação cognitiva utilizados nos últimos cinco anos em idosos brasileirosFatores associados à adesão à Terapia Antirretroviral em adultos: revisão integrativa de literatura índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência & Saúde Coletiva

versão impressa ISSN 1413-8123versão On-line ISSN 1678-4561

Resumo

CRUZ, Mércia Santos  e  IRFFI, Guilherme. Qual o efeito da violência contra a mulher brasileira na autopercepção da saúde?. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2019, vol.24, n.7, pp.2531-2542.  Epub 22-Jul-2019. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232018247.23162017.

O artigo analisa o efeito da violência contra a mulher na autopercepção da saúde, a partir de uma população de mulheres brasileiras com idades entre 20 e 49 anos, considerando as informações da Pesquisa Nacional de Saúde de 2013. Os resultados indicam que mais de 80% das mulheres que sofreram violência por indivíduo nos últimos doze meses anteriores a pesquisa, relataram como mais grave a agressão psicológica e/ou física. O pior reporte de saúde foi maior entre mulheres que relataram violência sofrida por pessoa conhecida, em caso de residentes em áreas rurais; já dentre as residentes de localidades urbanas, houve relatos de violência perpetrada por agressor desconhecido. Em função desses resultados, pode-se inferir que as mulheres vítimas de violência possuem pior percepção de saúde vis-à-vis as que não foram vítimas de violência.

Palavras-chave : Violência; Autopercepção; Saúde; Mulher.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )