SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.24 número7Adaptação cultural e confiabilidade do questionário de educação sexual em meio escolarOs “problemas de pressão” na Guariroba/DF, Brasil: um aporte da antropologia para pensar doenças crônicas cardiovasculares índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência & Saúde Coletiva

versão impressa ISSN 1413-8123versão On-line ISSN 1678-4561

Resumo

MARTINS-JUNIOR, Paulo Antônio et al. Abuso físico de crianças e adolescentes: os profissionais de saúde percebem e denunciam?. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2019, vol.24, n.7, pp.2609-2616.  Epub 22-Jul-2019. ISSN 1413-8123.  http://dx.doi.org/10.1590/1413-81232018247.19482017.

O abuso físico de crianças é definido como qualquer ferida não acidental ou omissão dos seus responsáveis que cause risco à sua integridade. Este estudo objetivou avaliar se profissionais de saúde percebem e denunciam o abuso físico em crianças/adolescentes. Um total de 62 profissionais de saúde (odontólogos, médicos e enfermeiros) de Diamantina/MG, que realizam atendimento a crianças e adolescentes, responderam a um questionário. As variáveis coletadas foram relacionadas à identificação de abuso; denúncia às autoridades e dificuldades para a realização da denúncia. Realizou-se análise de frequência, teste do qui-quadrado e análise de conteúdo. Todos os profissionais relataram ter identificado e denunciado a ocorrência de abuso físico em crianças/adolescentes. Associação significativa foi observada entre a especialidade do profissional e o reconhecimento de abuso, bem como a realização de denúncia às autoridades. As principais dificuldades apresentadas para denunciar os casos às autoridades foram: falta de conhecimento na identificação do abuso e em como realizar a denúncia. A maioria dos participantes gostaria de receber treinamento para identificação e denúncia de abuso. Os profissionais de saúde percebem o abuso infantil, sendo os médicos aqueles que mais denunciam os casos.

Palavras-chave : Maus-tratos infantis; Notificação compulsória; Pessoal de saúde.

        · resumo em Inglês     · texto em Português | Inglês     · Português ( pdf ) | Inglês ( pdf )