SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.25 número2Estoque e descarte de medicamentos no domicílio: uma revisão sistemáticaFatores associados à demência em idosos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ciência & Saúde Coletiva

versão impressa ISSN 1413-8123versão On-line ISSN 1678-4561

Resumo

DIAS, Marcelo Kimati; FERIGATO, Sabrina Helena  e  FERNANDES, Amanda Dourado Souza Akahosi. Atenção à Crise em saúde mental: centralização e descentralização das práticas. Ciênc. saúde coletiva [online]. 2020, vol.25, n.2, pp.595-602.  Epub 03-Fev-2020. ISSN 1413-8123.  https://doi.org/10.1590/1413-81232020252.09182018.

Este artigo desenvolve uma reflexão da atenção às situações de crise em saúde mental no âmbito das políticas públicas de saúde brasileiras. Tem como objetivo analisar as disputas de sentido teóricas e práticas sobre a noção de crise que se desdobram em diferentes modelos de atenção às situações de urgência e emergência em saúde mental, bem como em desafios para a efetivação do processo de cuidado em rede. Partimos de um estudo exploratório, com ênfase na análise de protocolos e documentos institucionais em saúde mental, à luz da abordagem sociotécnica. Como contribuição original deste artigo, foram elencadas as principais dicotomias sociotécnicas que emergem dos processos de atenção à crise no Brasil (no uso das terminologias, na prática clínica, na conformação dos modelos de atenção em rede e em suas estratégias de regulação de vagas).

Palavras-chave : Saúde mental; Saúde coletiva; Urgência; Emergências.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )