SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 issue2Prejudice and intention to maintain social contact: Evidences concerning human valuesTeaching Styles Rating Scale: Data pscychometric properties author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psico-USF

Print version ISSN 1413-8271

Abstract

VASCONCELOS, Tatiana Severino de  and  TROCCOLI, Bartholomeu Tôrres. Crenças no paranormal e estilos de pensamento racional versus experiencial. Psico-USF (Impr.) [online]. 2004, vol.9, n.2, pp. 155-164. ISSN 1413-8271.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-82712004000200006.

Apesar dos avanços científicos e tecnológicos, as crenças em fenômenos paranormais têm aumentado nas últimas décadas. No entanto, não há um consenso sobre a estrutura multidimensional dessas crenças. Esse estudo procurou atingir dois objetivos: construir um questionário de crenças no paranormal (QCP) e observar sua dimensionalidade, além de investigar sua validade concorrente correlacionando seus resultados com o Inventário do Pensamento Racional versus Experiencial. Os instrumentos foram aplicados em 206 participantes e os resultados revelaram que o QCP divide-se em quatro fatores: crenças no paranormal em geral, superstições comuns, mal versus bem e proteção espiritual. As pessoas com maiores índices de crenças no paranormal e de superstições comuns tendem a preferir o pensamento experiencial. O pensamento racional não apresentou correlações significativas com nenhum dos fatores do QCP, sugerindo que não existem evidências empíricas para fundamentar a discussão das crenças no paranormal sobre a dicotomia racionalidade versus irracionalidade.

Keywords : Crenças no paranormal; Estilos de pensamento; Mensuração.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese