SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 issue1Brief psychodynamic psychotherapies: Characteristics of national and foreign scientific production (1980/2003)Higher education and personal development: Social motivations among nuclear people from university author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psico-USF

Print version ISSN 1413-8271

Abstract

SCHMIDT, Eluisa Bordin; PICCOLOTO, Neri Maurício  and  MULLER, Marisa Campio. Depressão pós-parto: fatores de risco e repercussões no desenvolvimento infantil. Psico-USF (Impr.) [online]. 2005, vol.10, n.1, pp. 61-68. ISSN 1413-8271.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-82712005000100008.

A depressão pós-parto é uma condição que afeta 10% a 15% das mulheres no pós-parto. Este quadro tem seu início em algum momento durante o primeiro ano do pós-parto, havendo maior incidência entre a quarta e oitava semana após o parto. Geralmente se manifesta por um conjunto de sintomas como irritabilidade, choro freqüente, sentimentos de desamparo e desesperança, falta de energia e motivação, desinteresse sexual, transtornos alimentares e do sono, ansiedade, sentimentos de incapacidade de lidar com novas solicitações. O objetivo deste artigo é apresentar uma revisão bibliográfica acerca da depressão pós-parto. São abordados aspectos conceituais, epidemiológicos, fatores de risco associados a sua ocorrência e algumas repercussões da depressão pós-parto na relação materno-infantil e no desenvolvimento da criança. O conhecimento destes aspectos reveste-se de grande importância considerando as conseqüências prejudiciais às mães bem como ao desenvolvimento cognitivo, social e emocional de suas crianças.

Keywords : Depressão pós-parto; Sintomas; Desenvolvimento da criança.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese