SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 número2Preparação psicológica de estudantes de pedagogía sob a perspectiva akemológica índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Psicologia Escolar e Educacional

versão impressa ISSN 1413-8557

Resumo

LEON, Gloria Fariñas. O leito de Procusto ou a convenção da competência humana. Psicol. Esc. Educ. [online]. 2011, vol.15, n.2, pp. 341-350. ISSN 1413-8557.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-85572011000200016.

A questão das competências ganhou um espaço importante nos debates atuais sobre o desenvolvimento humano. Estes permitiram reeditar o significado dado a este problema por D. McClelland na Psicologia dos anos setenta, com novos significados e usos que nem sempre estão em conformidade com as exigências do desenvolvimento da Psicologia como ciência e profissão, e também não se apresentam suficientes para responder às demandas da educação, como um dos maiores campos de aplicação do conceito. Este trabalho apresenta uma análise sobre o conceito em questão e procura esclarecer suas implicações do ponto de vista crítico. Argumentos diversos permitem concluir que o conceito de competência apresenta, por um lado possui um conteúdo convencional que atende a fins utilitários e pragmáticos e, por outro lado, seu uso atrasa o desenvolvimento da psicologia como ciência e como profissão. Contudo, tal conceito pode ser utilizado em determinadas circunstâncias que são esclarecidas neste artigo. As fontes utilizadas para a análise consistem nas observações da autora e na literatura publicada, o que conduzem por sua vez a uma análise histórica e cultural do conceito

Palavras-chave : Educação; competências; humano.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Espanhol     · pdf em Espanhol